Search here...
TOP
Ligia Guerra

Defi(ciências) : A ciência de quem não ama!

Defi(ciências) : A ciência de quem não ama!

 

– Lígia Guerra –

 

Deficiente é quem pode ouvir boa música, mas prefere ouvir fofocas.
Deficiente é quem acredita que o seu problema é o maior do mundo e desaprende a dádiva que é sorrir.
Deficiente é quem tem a opção de ler um bom livro, mas opta por pichar muros.
Deficiente é quem pode motivar, mas agride.
Deficiente é quem pode ver o azul do céu, mas foca no cinza da calçada.
Deficiente é quem não perdoa a si mesmo por se acreditar infalível.
Deficiente é quem transforma o sexo em pecado e explora-o sem respeito.
Deficiente é quem não presta atenção à própria vida, mas se incomoda com a vida alheia.
Deficiente é quem vive para as aparências e esquece da essência.
Deficiente é quem acomoda o seu semelhante nos recônditos da caridade e não o ensina a voar com as próprias asas.
Deficiente é quem busca na inveja alheia a auto- realização.
Deficiente é quem impõe o seu ponto de vista aos demais e chama isso de autenticidade.
Deficiente é quem prefere condenar com sarcasmo a orientar com carinho.
Deficiente é quem não consegue enxergar os limites alheios e os invade sem constrangimento.
Deficiente é quem se orgulha da sua religião e esquece que o caminho para a divindade atende pelo nome de humildade.
Deficiente é quem julga ser melhor do que o seu semelhante, esquecendo-se de que todos têm talentos únicos e indispensáveis perante a vida.
Deficiente é quem sente ressentimento frente ao sucesso alheio.
Deficiente é quem agride a Mãe Terra e não compreende que ela é um grande útero que acolhe amorosamente a todos nós.
Deficiente é aquele que só se preocupa em confiar em Deus sem se preocupar se Deus também pode confiar nele.
Deficiente é quem não consegue entender qual é a sua missão de vida e desperdiça a própria existência com ilusões.
Deficiente é quem rasteja na preguiça ao invés de se fortificar na força de vontade.
Deficiente é quem se compara aos outros e perde o encantamento frente a si mesmo.
Deficiente é quem vive reclamando da vida enquanto há tanto para se maravilhar.
Deficiente é quem pode abraçar, mas cruza os braços.

Se olharmos atentamente, deficiente é quem enxerga as necessidades do mundo e permanece indiferente a elas.

 

 

«

»

Comente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *